Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

quarta-feira, fevereiro 23

PETRO é destaque de alta em pregão volátil

PETRO é destaque de alta em pregão volátil.

Comentário de Fechamento, com Leandro Ruschel - 23/02/2011

IBOV Mercado segue movimentação bem complexa. Trabalha em alta hoje, com volume bem acima da média em muitos ativos.

PETR4 Foi a responsável por boa parte do volume do IBOVESPA. Rompe 28,20. Faço uma posição menor, coloco stop mais longo, abaixo do gap.

VALE5 Consolida 48,20 como suporte.

LLXL3 Rompe resistência imediata.

PRTX3 Rompe congestão com barra ampla.

SUZB5 Perda fundo anterior em 13,70. Gera um setup de venda de rompimento. Stop acima da máxima de hoje.

TGMA3 Rompe pivot de alta. O que me impede uma entrada é o fato da média de 21,00 estar descendente.

UOLL4 Rompe resistência importante, uma congestão de várias semanas. faço uma posição menor.

DJI Apresenta movimento negativo, dando continuação ao sinal de ontem.

BBAS3 Pelo movimento de ontem e hoje, estamos abaixo da media de 21. Não vejo entradas no momento.

VALE5 Tendência de baixa. A perda dos 47,70 pode me gerar uma entrada na venda.

USIM5 Expectativa de uma movimentação mais lateral. Não vejo entradas no atual cenário.

GOLL4 Perdeu fundo anterior em 22,00. Forte pressão vendedora. Expectativa de tendência de baixa para um prazo mais longo.

ELET3 Papel segue em congestão mais ampla. ELET6 parece mais forte que ELET3.

LREN3 Não ultrapassa os 53,00. Busca agora suporte em 47,00. Pelo movimento dos últimos dias, desfaz expectativa de reversão da tendência de baixa vigente.

TNLP4 Resistência em 27,20. Fico atento ao rompimento deste patamar, pois pode gerar entrada na ponta compradora.

PETR4 Fiz uma posição no ativo. Se o mercado recuar um pouco e identificar 28,00 como suporte, eu aumento minha posição. Ser perder o suporte, stopo.

IBOV Uma reversão para uma tendência de alta aconteceria se houver o rompimento dos 68000.

OGXP3 Apesar de caminhar para um fechamento acima da resistência, não vejo tanta força como em outros ativos do mesmo setor.

PLAS3 Baixa liquidez. Não produz repique ainda. Tendência de baixa mais longa.

BRKM5 Testa suporte em 18,80. Expectativa é algum repique. Se perder suporte, fica um cenário mais negativo. resistência em 20,50.

BBDC4 Corrige em relação ao último topo. Fundo em 29,00. Se romper o topo, sinaliza uma reversão da tendência.

Marcadores: , ,

Bookmark and Share

quinta-feira, fevereiro 17

17.02.11 - Indefinição na resistência sugere queda

Indefinição na resistência sugere queda.

Comentário de Fechamento, com Leandro Ruschel - 17/02/2011

IBOV Alcança resistência do topo anterior na faixa dos 67900-68000, formando candle de indefinição nessa faixa.

CIEL3 Alcançou primeiro objetivo. Mercado pode ter demarcado importante fundo em 10,90, mas aguardo um pivô de alta.

RDCD3 Definiu suporte em 18,20, faz boa movimentação, mas não gera entrada ainda.

USIM5 Alcançou objetivo de 20,40. Pode estar sinalizando rompimento de resistência e uma definição melhor de tendência.

VALE5 Testa uma região importante de resistência, formando uma congestão no curtíssimo prazo. A tendência do gráfico diário sinaliza uma retomada da movimentação descendente, especialmente se perder 50,10. Se romper 50,70, a sinalização seria positiva.

PETR4 Movimentação negativa no dia de hoje com pequena amplitude.

Setor de construção: Gfsa, Rsid3 e Cyre3 apresentam pressão vendedora maior no dia de hoje.

CPLE6 Tendência de baixa, com resistência em um topo anterior por volta de 42,00. O teste da resistência poderá gerar venda.

AMBV4 Trabalha próximo da resistência de fibonacci (retração de 0,618). Rompeu a mm21. Não apresenta sinais para compra.

GGBR4 Ativo rompe resistência, até faz um pivô de alta, mas não tem ainda 3 critérios que me permita uma operação de compra.

BRKM5 Trabalha próximo de uma resistência. Pra pensar em operações eu gostaria de ver o rompimento da resistência.

BBRK3 Ativo em clara tendência de baixa, perdeu suporte importante. Apesar do repique dos últimos dias, eu não vejo entrada.

BVMF3 Se conseguir ultrapassar 12,00 teremos um pivô de alta, o que poderia significar uma reversão da tendência.

RAPT4 Corrige dentro de uma tend de baixa mais longa. Agora testa resistência o que pode retornar a pressão de venda.

MMXM3 Após ficar sobrecomprado, sugere que possa fazer correção. Aguardo pivô de alta. Mas a sinalização é positiva.

LAME4 Deixou suporte em 12,00, e resistência em 14,00. A expectativa após esse repique é retomada da pressão vendedora.

PETR4 A resist fica em 28,00. Estamos no meio de uma cong menor, o sinal não fica tão claro para retomada de baixa.

ITSA4 om o ativo sobrecomprado, a minha expectativa é uma retomada da movimentação descendente Anda não reverteu a tendência.

Marcadores: ,

Bookmark and Share

terça-feira, fevereiro 15

15/02/11 - Ibovespa interrompe sequência de altas

Ibovespa interrompe sequência de altas.

Comentário de Fechamento, com Guilherme Ruffini - 15/02/2011

IBOV Trabalha com leve baixa, próximo a estabilidade. Ainda temos algum espaço até a resistência mais importante. O sinal de hoje já demonstra uma certa dúvida da continuação da alta. Fundo em 64 mil pontos.

OGXP3 Faz candle de dúvida. Testa média de 21,00 e atinge retração importante de fibo. Monto uma trava de baixa.

RSID3 Fez um repique até média de 21,00 e até a retração de fibo. Monto uma venda em RSID3 também.

VALE5 Hoje faz candle de dúvida/reversão. Mas, ainda tem algum espaço para repique, por isso não monto posição.

TGMA3 Ativo de menor liquidez que também chamou atenção.

PETR4 Volta para dentro de uma congestão das últimas semanas. Não vejo entradas no momento.

AMBV4 Encontra média de 21. Vem em tendência de baixa por vários critérios. Não vejo entradas no momento.

BBAS3 Alcança retração de toda a última perna de baixa. Um candle de dúvida no atual patamar pode abrir uma venda.

MMXM3 Boa movimentação de alta no dia de hoje, mas há uma sinalização de baixa para um prazo maior. Não vejo um ponto de entrada no atual cenário, nem na compra nem na venda.

GGBR4 Movimentação lateral no curto prazo. O rompimento das últimas máximas pode vir a significar o teste do topo dos 24,80.

BVMF3 Indica a retomada da movimentação descendente. Tendência de baixa para um prazo maior. Suporte em 11,00, aproximadamente.

BRTO4 O rompimento dos 13,30 aproximadamente pode gerar uma entrada. No momento, prefiro ficar de fora.

CNFB4 Expectativa de continuação do repique, dentro de uma tendência de baixa para prazo maior. No momento, não vejo entradas.

Muitos ativos encontram-se em retrações importantes ou vão se aproximas em breve. Estamos próximo de boas oportunidades de trades na venda, de correção.

EMBR3 Testa resistência importante em 14,50. Aguardo uma congestão e posterior rompimento para efetuar uma entrada no ativo.

MRVE3 Tem espaço para mais alguma recuperação. Ainda não penso em uma venda. GFSA3 está mais fraca, por exemplo.

Marcadores: ,

Bookmark and Share

terça-feira, fevereiro 8

08/02/11 - Mercado repica apesar de PETRO e VALE

Mercado repica apesar de PETRO e VALE.

Comentário de Fechamento, com Leandro - 08/02/2011

IBOV Papéis de maior liquidez como PETR4 e VALE5 cairam, enquanto outros setores subiram forte, como o setor de bancos e construção. No curto prazo. Temos um suporte em 64.900 pontos, e expectativa de algum repique.

BVMF3 Produz sinal de algum repique. Testa zona de suporte importante. Não se enquadra exatamente em meu setup, mas para quem opera o FFFD, pode acionar uma entrada.

OGXP3 Faz engolfo de alta, com volume bem forte. Expectativa de algum repique. Objetivo em 17,90.

LREN3 Forma duplo fundo. Ainda em tendência de baixa, mas demonstra alguma força.

BBAS3 Realização parcial e ajuste do stop para o ponto de entrada.

PASSA3 Ativo de média liquidez.. Após boa queda, produz um FFFD, mas vejo um stop longo para o trade.

ITSA4 Forte recuperação, e há espaço para mais recuperação. Porém, já não se encontra em um ponto ideal de entrada.

DROG3 Não vejo uma entrada clara. Tendência de baixa para um prazo maior. Pode repicar no curto.

LLIS3 Tendência de baixa. Fundo em 14,40. Resistência em 16,20. Produz um repique no momento. Não vejo entradas.

LAME4 Tendência de baixa para um prazo maior. No curto, ainda há espaço para mais recuperação.

POMO4 Parece fazer um fundo duplo em 5,80. Resistência em 6,40. Para um prazo mais longo, enquadra-se em tendência de baixa.

BRKM5 Suporte em 20,10 e resistência em 21,70. Fico atento ao rompimento da resistência. Volume vem caindo nos últimos dias.

AMBV4 Já não há um cenário ideal para um trade contra a tendência. Prefiro ficar de fora do ativo.

HYPE3 Tem espaço para a média de 21,00. Ainda não vejo uma venda. Prefiro esperar até a retração de fibo de 61.8.

BBRK3 Repica. Tem uma resistência forte logo acima. Suporte em 7,66. A perda do mesmo dá continuidade à queda.

RDCD3 Apresenta manutenção de um movimento de baixa. Sinaliza retomada da pressão vendedora.

PETR4 Consolidou resistência em 28,20. O rompimento desse patamar seria interessante para a continuidade do movimento de alta.

GGBR4 Estou vendido no ativo. Tendência de baixa. Expectativa de retomada da pressão vendedora.

Marcadores:

Bookmark and Share

segunda-feira, fevereiro 7

07/02/11 - Mercado tenta novo repique.


Mercado tenta novo repique.

Comentário de Fechamento, com Leandro - 07/02/2011



IBOV Gera mais um sinal de reversão hoje, o que pode sugerir alguma pressão compradora para os próximos dias.

PETR4 Sente uma pressão vendedora maior no novo testa da resistência. Não vejo um sinal claro Não temos mais 3 critérios de alta. Eqto não romper 28,20, prefiro ficar de fora do ativo.

BVMF3 Segue pressão vendedora, sem sinal algum de reversão. Perdeu fundo em 11,50, que agora é uma resistência. Indica busco dos 10,00, para um prazo maior. Afastado da mm21.

OGXP3 Segue pressão vendedora forte também, após falhar alguns sinais de repique.

CTIP3 Destaque de hoje, com boa pressão compradora. Mas, não aciona nenhum dos setups que trabalho.

EMBR3 Chama atenção também. Não vejo uma entrada exatamente agora. Não testa TH. A máxima que está sendo testada no momento é o que me incomoda para uma entrada no momento.

CMIG4 Testa suporte importante em 26,40. Encontra-se em suporte forte. Apesar de existir a possibilidade de algum repique, não vejo entradas.

BBDC4 Testa suporte importante em 29,50 depois de vários dias de queda.

NATU3 Testa fundo anterior em 40,00.

BBAS3 Aciona uma entrada contra a tendência. Candle de reversão fora das bandas. Faço uma entrada com capital reduzido.

BPNM4 Encontra-se em TA. Ainda não atingiu um suporte forte. Desse modo, ainda não vejo uma entrada.

CESP6 Congestiona. Tem suporte em 26,30 e resistência em 30,30. Bem próximo ao centro do movimento lateral.

USIM5 Gera tendência indefinida num prazo manor. Suporte em 18,30. Resistência em 20,40.

HYPE3 Hoje, faz sombra inferior e volta a fechar dentro das bandas de bollinger. Pode gerar algum repique.

TNLP3 Sugere a retomada do movimento ascendente. Resistência em 37,90.

LAME4 Tendência de baixa. Bem afastado da mm21. Faz candle de indefinição. Sugere algum repique para o curto prazo.

VALE5 Testa suporte em 50,00, mas com vários sinais negativos. Enquadro esse o ativo em tendência de baixa.



Marcadores:

Bookmark and Share

domingo, fevereiro 6

06/02/11 - Ibovespa perde o suporte

Na última sexta-feira o ibovespa perdeu o seu suporte e pode buscar os 63.800 pts próximo suporte ou formar um novo neste patamar mesmo dos 65.000 pts.

O índice está sendo influenciado pela economia global e se amanhã não tiver nenhuma notícia bomba é possível que volte às altas.

Marcadores: ,

Bookmark and Share

quinta-feira, fevereiro 3

03/02/11 - Após queda no intra, IBOV fecha em estabilidade

Após queda no intra, IBOV fecha em estabilidade.

Comentário de Fechamento, com Leandro - 03/02/2011

IBOV: tivemos uma movimentação de queda durante o dia, mas recuperamos no final. Respeita 65900. Temos ainda um estado sobre-vendido. Repique de terça não foi lá grande coisa. Não é o cenário ideal para operações de compra, mas a expectativa é de alguma recuperação. Maior movimento negativo aconteceria com a perda dos 65900 pontos.

Destaque hoje para PETR4, que manteve pressão compradora. Testa agora topo anterior.

BTOW3: confirmou stop de nossa posição. Fico de fora.

POMO4: ofereceu stop da posição remanescente, gerando lucro.

Chama atenção também a pressão vendedora no setor de bancos. Apesar de bem sobrevendido, cai bastante.

CIEL3: segue movimento descendente de longo prazo. Muita força vendedora.

EMBR3: apresenta tendência de alta, após forte rompimento dos 13,00. No atual momento, não vejo entradas claras. Suporte em 13,10.

GGBR4: apresenta boa movimentação ascendente desde o último fundo. Há uma resistência importante em um gap logo acima. Um candle de reversão poderia gerar uma operação de venda no ativo.

TAMM4: perdeu suporte em gap, fez bom movimento descendente e agora faz um candle de reversão. Como não está totalmente fora das bandas, não vejo um entrada.

KLBN4: testa a base da congestão. A perda do atual patamar seria um sinal negativo para o ativo.

CSNA3: faz correção importante. Resistência em 30,30. Testa retração de 0,618 do último movimento. Não consigo enquadrá-lo em nenhuma tendência. Assim, fico de fora.

Faz algum tempo que os índices caminham em direções opostas. Não vejo sinalização clara do DJI de reversão. No IBOV, estamos sobre-vendidos no curto prazo.

GFSA3: vem em tendência de baixa, como todo o setor de construção. Não vejo uma entrada no momento, apesar do ativo estar sobre-vendido.

OGXP3: volume acima da média, mas o número de negócios não foi tão forte. Como não tenho um candle totalmente fora das bandas, não se enquadra em meu setup contra a tendência.

LAME4: outro papel que parece que não tem fundo. Hoje oferece sombra inferior. Afastamento muito grande da média. Expectativa de algum repique no curto prazo.

BRTO4: mantém congestão. Possui tendência de alta mais longa. Rompendo os 13,50 pode vir a acionar uma entrada.

PDGR3: Testou suporte em 9,00 recentemente. A perda do mesmo pode ocasionar uma expectativa negativa para o ativo para um prazo maior.

ITSA4: segue em pressão vendedora, bem afastado da média de 21,00. Muito próximo de um repique de curto prazo.

EZTC3: volume financeiro muito alto, mas o número de negócios não acompanhou. A perda do suporte imediato daria início a uma tendência de baixa, com a formação de um pivot de baixa.

Marcadores: ,

Bookmark and Share

terça-feira, fevereiro 1

01/02/11 - Confirmação clara de suporte no ibovespa

Depois das recentes baixas o índice Ibovespa respeitou seu suporte e configurou um bom ponto de entrada.

É preciso aguardar os próximos dias para verificarmos se vamos trocar o rumo de curto prazo.

De qualquer forma o candle de hoje foi bem promissor para novas altas!

Marcadores: ,

Bookmark and Share

01/02/11 - Mercado confirma expectativa de repique

Mercado confirma expectativa de repique.

Comentário de Fechamento, com Leandro - 01/02/2011

IBOV Não se encontra nem em tendência de alta, nem em tendência de baixa, o que dificulta as entradas.

BBDC4 Segue em movimento descendente. Não vejo sinais de reversão. Prefiro continuar de fora.

USIM5 ejo resistência em 21,00. Expectativa de busca de tal patamar. Não temos uma tendência bem definida.

PIBB11 Respeitou suporte 91,80. Expectativa de alguma pressão compradora. Não vejo entradas no momento.

LREN3 Mercado faz boa tendência de baixa. Resistência em 52,40. No teste, com sinal de reversão, avalio uma entrada na venda.

BTOW3 Ainda tem um suporte importante e está longe da média. Permaneço no trade. Expectativa ainda é positiva.

MRFG3 Não vejo mais um enquadramento nos setups. Vejo um risco maior de entrada no atual ponto.

MRVE3 Confirma repique hoje. Ideal seria um teste dos 16,50 para pensar em venda novamente.

KLBN4 Suporte em 5,50. Resistência em 6,00. Levando em conta que o mercado fez forte movimentação negativa, ativo segurou muito bem.

POMO4 Já fiz minha saída parcial. Primeiro objetivo de 6,30 já foi atingido. Próximo patamar na faixa dos 6,80.

TNLP4 Perdeu suporte no intra e recuperou depois. Demonstra força compradora. O rompimento de 27,30 me chama a atenção.

BRKM5 Testa resistência em 21,10. Espero o rompimento para avaliar uma entrada.

GGBR4 Não há sinalização suficiente. Pode repicar mais, mas ainda não temos uma tendência de alta.

VALE5 Expectativa de correção mais lateral para o papel no curto prazo. Resistência em 53,70.

Marcadores:

Bookmark and Share

31/01/11 - Ibovespa parece estabilizar queda e forma suporte

O índice Ibovespa após a grande volatilidade de sexta-feira operou dentro dos limites do último pregão.

Com leve baixa mas já apontando um suporte para futuras altas.

Assim que o índice apresentar alta vale a pena entrar junto pois os índice técnicos estão bem sobrevendidos e pode ser um bom ponto de compra que está se formando. Mas cuidado pois pode vir ladeira a baixo até os 63.500 pts, próximo suporte.

Marcadores: ,

Bookmark and Share
Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.